quarta-feira , janeiro 29 2020
Início / Clipping / Em documento, chefes de fiscalização do Ibama alertam para risco de apagão

Em documento, chefes de fiscalização do Ibama alertam para risco de apagão

Fonte: Folha de São Paulo

Orçamento enviado ao Congresso prevê corte de 31%; número de fiscais cai 55% em uma década

22 dos 26 chefes estaduais de fiscalização do Ibama assinaram um documento no qual advertem que o órgão corre o risco de sofrer um “apagão” no ano que vem, o que pode levar o país a um verdadeiro apagão ambiental. O motivo é o estrangulamento a que o órgão está sendo submetido pelo governo Bolsonaro. 

O Ibama tem para 2020 um orçamento um terço menor que o de 2019, número de fiscais em queda acelerada e nomeação de dirigentes com pouca ou nenhuma experiência na área ambiental.

O documento, dirigido à Coordenadoria Geral de Fiscalização Ambiental, propõe 12 medidas, “sob pena de interferir de forma direta e até mesmo inviabilizar a execução das ações de fiscalização ambiental previstas no Plano Nacional Anual de Proteção Anual (Pnapa) 2020” -informa o jornalista Fabiano Maisonnave na Folha de S.Paulo.

No projeto de lei do Orçamento enviado ao Congresso, o corte para 2020 foi de 31% nas receitas do Ibama, ficando em R$ 256 milhões. Para a fiscalização, estão previstos R$ 76,8 milhões em 2020, um corte de 25% em relação a 2019. O Orçamento foi aprovado semana passada.

Sobre Sindsema

Veja também

Por que os incêndios na Amazônia preocupam mais do que os da Austrália

Fonte: Uol Nos últimos dias, o presidente Jair Bolsonaro e o ministro do Meio Ambiente, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *